sábado, 13 de dezembro de 2014

Como fazer sua árvore de Natal com suculentas

     Hoje a dica é para todos que querem fugir das tradicionais árvores de natal, com ornamentos coloridos e pisca pisca.  Ainda dá tempo para montar sua própria árvore natalina feita com suculentas e eu vou dar uma ajudinha pra esclarecer como você pode fazer. Nem preciso dizer que esses "pinheirinhos" são pra lá de modernos e incríveis, a ideia é uma versão reduzida para mesa, mas pra quem tem mania de grandeza a técnica funciona também em árvores grandes. O vídeo abaixo é de PrudentBaby e está em inglês, mas o passo a passo é autoexplicativo e basicamente ensina a técnica de tela de galinheiro preenchida com o musgo seco sphagnum. (Já informei em outras postagens que em grandes cidades não é difícil encontrá-lo, em Curitiba tem no mercado municipal e é bem baratinho).

Essa técnica permite que a planta continue a crescer e se desenvolver mesmo sendo inserida sem raízes no musgo, então o investimento que você fizer pra confeccionar sua árvore não será perdido após o natal, já que pode deixá-las crescendo ao longo do ano ou reutilizá-las em outros vasos e arranjos.

A forma que fizer com a tela de galinheiro de sustentação é o formato que sua árvore terá, em casos de árvores maiores, a estrutura deve ser reforçada, como nas imagens no final da postagem.

Após a estrutura montada você deve preencher com o musgo sphagnum molhado, pra facilitar e garantir que não irá ceder na hora de plantar as suculentas. As garotas do video também cobriram a estrutura por fora escondendo totalmente a tela.

Na hora de inserir as plantas, use um palito para furar e não estragar os caules que devem ter pelo menos uns 2 centímetros, use um gancho floral pra que fique bem firme.

Uma dica legal para harmonizar é que se coloque as rosetas menores no topo e as maiores na base.

Vale lembrar que elas precisam ficar próximas á janela para receber luz solar, e que em locais externos ficam ainda mais exuberantes, regue com spray ou jato leve de mangueira a cada 10 dias.


Agora veja o resultado de algumas árvores e inspire-se:

Por Jolly Bunch, Rússia.







As cinco imagens acima são de SucculentSolution encontradas no site Etsy e podem ser compradas por lá.



 As minhas preferidas são as próximas, pois tem harmonia e cativam pela simplicidade, ambas da Dalla Vita na California.




Como prometi no início da postagem seguem as imagens que ajudam a ilustrar o procedimento correto para montagem de topiarias com suculentas, dominada essa técnica, você pode montar qualquer coisa que imaginar. As imagens são de Steven Cominsky da Fine Garden.





Dicas importantes: 

  1. Mantenha o musgo molhado para obter melhores resultados, regue de cima pra baixo, se ficar um período seco sem regas, não há prejuízo pois as suculentas armazenam água internamente em suas folhas.
  2. Esqueça os adubos, pois eles farão com que as suculentas cresçam exageradamente e então a árvore perderá a forma.
  3. Ofereça luz solar por períodos generosos e prefira o sol antes do meio dia, em locais muito frios com geada (como em Curitiba por exemplo), elas devem ser recolhidas em áreas cobertas.
  4. Podas podem ser necessárias, corte nos caules na base das rosetas e replante as mudas que foram podadas.




Feliz natal !!!

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Dia da Bandeira

Em momentos tão delicados como esses que o Brasil enfrenta, surge novamente nos cidadãos um patriotismo e sentimento de brasilidade. Lutar pela liberdade do indivíduo e resgatar a soberania nacional é dever de cada um que entende o momento que estamos vivendo.
Hoje, 19 de novembro, comemoramos o dia da Bandeira Nacional, símbolo máximo que demonstra nossa nacionalidade e une todos os brasileiros.


     A bandeira nacional que conhecemos atualmente, foi apresentada ao povo brasileiro em 19 de novembro de 1889, quatro dias após o golpe da proclamação da república, e apesar de achar que a bandeira imperial represente o periodo de maior prestígio da história do nosso país, fiz minha homenagem a nossa bandeira.

A contribuição respeitosa do ABC das Suculentas para demonstrar a Bandeira do Brasil é essa, já está hasteada, ou melhor, pendurada.



Um pouco de história para quem se interessa: 
A bandeira do Brasil Imperial foi criada em 1822 pelo desenhista, pintor e professor francês Jean-Baptiste Debret. Vale lembrar que José Bonifácio de Andrada e Silva, também conhecido como “o Patriarca da Independência”, ajudou Debret na elaboração do projeto da bandeira do Brasil Império.

A bandeira do Brasil Imperial possui formato retangular. Com fundo verde, havia no centro um losango amarelo-ouro. No centro do losango ficava o brasão nacional (imperial).

Este brasão consistia num escudo verde, tendo ao centro a esfera armilar e a Cruz da Ordem de Cristo (em vermelho). Havia também um aro de fundo azul com 20 estrelas brancas (representando as províncias brasileiras). Sobre o escudo estava disposta a coroa imperial. Do lado esquerdo havia um ramo de café o do lado direito um de tabaco.

Significados

Não se sabe com exatidão os significados dos elementos gráficos e cores da bandeira imperial brasileira. Porém, existem hipóteses e, as mais aceitas, são:

- Cor verde: simbolizava a Casa de Bragança, dinastia a qual fazia parte Dom Pedro I.

- Cor amarela: representava o ouro e as riquezas minerais existentes em solo brasileiro.

- Ramos de café e tabaco: representava os dois principais produtos agrícolas do Brasil Imperial.

- Coroa: símbolo do regime monárquico.

- Cruz da Ordem de Cristo: valorização do cristianismo no Brasil e da religião católica como oficial.

sábado, 18 de janeiro de 2014

Tartaruga em Sphagnum

     Recebi uma pergunta sobre como montar tartarugas com sempervivum, e fui atrás de algo específico que pudesse ajudar a esclarecer o processo de montagem. Basicamente é uma estrutura de arame grosso no formato desejado que é preenchida com sphagnum (musgo)e presa com um tipo de arame finíssimo. Um vídeo americano mostra o passo a passo, desde a extração do sphagnum e também o processo de montagem.
     Antes que me perguntem onde encontrar o tal musgo já vou adiantando que eu não sei, encontrei uma vez em Curitiba no Mercado Municipal nas lojas que vendem plantas, vasos e etc. Pesquisem, as vezes é mais fácil encontrar do que se imagina. 
     Vamos lá, esse processo é do pessoal do Simply Succulent em Cable no Estado do Wisconsin e eles nos inspiram muito com o trabalho magnífico que fazem. Nunca encontrei pra vender o sempervivum, apenas pela internet, e sei que são super resistentes inclusive à neve, eles combinam muito com esses trabalhos em musgo, mas podem ser substituídos por outros tipos de suculentas, o negócio é arriscar.

Veja que legal que fica
Essa é do pessoal do All Things Plants.


Aprendeu? Fez? depois me conte!

CRÉDITOS E DIREITOS AUTORAIS DE IMAGENS

A grande maioria das imagens utilizadas no blog não são de minha autoria, SEMPRE que encontro, disponibilizo os créditos nas imagens.
Infelizmente, muitas delas quando encontro, são cópias das cópias, e já não possuem os devidos créditos e direitos.
A única finalidade desse blog é a DIVULGAÇÃO e COMPARTILHAMENTO de imagens das suculentas, para uma popularização no Brasil dessas plantas que são incrivelmente resistentes e tão utilizadas ao redor do mundo.
Se você se deparar com uma imagem de sua autoria ou a qual possua os créditos, por favor entre em contato comigo pelo e-mail lidianepaisagista@gmail.com, para reparação correta com a colocação da sua autoria ou para a retirada da imagem do blog.